Como evitar disputas em startups?

O contrato é a única forma de prevenir disputas e conflitos nas relações profissionais. Reconhecido legalmente, este documento compromete ambas as partes em virtude do seu valor jurídico. Recomenda-se estar atento aos termos e condições do contrato para proteger eficazmente o seu negócio. A prevenção começa com uma boa escrita.

Prepare-se para a redação do acordo

É importante preparar o acordo bem antes de embarcar no redação de um contrato porque servirá de base para um bom relacionamento. Antes de redigir o contrato, certifique-se da confiabilidade de seu co-contratante e das garantias máximas. Para isso, a primeira coisa a fazer seria averiguar a qualidade de crédito do co-contratante. Em caso de insolvência, seu fornecedor ou cliente não será capaz de cumprir suas obrigações. Considere verificar a saúde financeira da empresa de joint venture. Durante as discussões e reuniões, é fundamental conhecer bem o seu co-contratante e a sua empresa, pergunte-lhe sobre os planos para o futuro, há quanto tempo está no mercado, como fica o seu saúde financeiraetc. Obtenha conselhos de analistas para melhor interpretar os dados. Eles irão estabelecer um inquérito de solvência e apresentar recomendações - Saber mais no suporte em elaboração de um contrato comercial.

A própria escrita

Existem dois tipos de cláusulas que devem ser tidas em conta no contrato: cláusulas de garantia de incumprimento e cláusulas de antecipação do litígio. Em caso de atraso de pagamento ou de incumprimento da sua obrigação, a cláusula penal especifica a taxa de indemnização devida pelo devedor. Novamente, é melhor falar com um advogado para não correr o risco de que a cláusula seja revisada.

Indignado a prevenção de dívidas não pagas, d’autres clauses permettent également d’anticiper le litige. Il s’agit de la clause attributive de compétence et celle résolutoire. La première précise la juridiction compétente en cas de litige et permet de prévenir les décisions du juge. La clause résolutoire quant à elle, souligne qu’en cas de manquement à l’exécution de l’obligation, le contrat est annulé sans que le juge n’intervienne. Cette clause n’est cependant pas valable pour tous les contrats. Rappelez-vous que si ces clauses sont mal rédigées, elles n’auront que peu d’efficacité dans leur ensemble. Pour assurer une bonne prévention des litiges, faites appel un professionnel du droit pour trouver la clause la plus adaptée à chaque con

trat.